Coinbase Brasil – Como Funciona? Coinbase É Confiável?

eToro
✓ Fácil de Usar
✓ 19 Criptomoedas
✓ Licença FCA
Avaliação
4
Facilidade de Uso
5/5
Mercados e Produtos
4/5
Depósito e Retirada
3/5
Taxas
3/5
Confiança
5/5
Suporte ao Cliente
4/5
Recursos Educativos
4/5
Mercados

Criptomoedas

Regulação

FCA, Banco Central do Brasil

Taxas

Altas

Pagamentos

Não Disponível no Brasil

Abertura de Conta

Rápida

Suporte ao Cliente

Telefone, Chat, E-mail

Demonstração

Não Disponível

Outros Destaques

Coinbase Pro

A Coinbase já conta com mais de 30 milhões de usuários.

Para muitos usuários em todo o mundo ela é a entrada principal para o mundo das criptomoedas.

A principal razão? A sua simplicidade.

Apesar de tudo, se o seu objetivo é comprar e vender criptomoedas, a Coinbase ainda não disponibilizou essa funcionalidade no Brasil. Confira outras plataformas onde o pode fazer:

  • IQ Option
    Melhor Corretora no Geral
  • eToro
    Social Trading
  • Binance
    Centenas de Criptomoedas
  • Mercado Bitcoin
    Plataforma Brasileira

Acompanhe este guia até ao fim para que saiba como utilizar a Coinbase no Brasil!

Descubra quais funcionalidades estão disponíveis aos usuários brasileiros e quais as taxas aplicadas aos seus serviços!

Além disso, veja como funciona o seu app para smartphone e o que a Coinbase Pro traz de diferente.

Vantagens
  • Autorizção FCA e Banco Central do Brasil
  • Simples e Intuitiva
  • Carteira Virtual Segura
  • Coinbase Pro
  • App Para Celular
Desvantagens
  • Taxas Altas
  • Não Permite Compra e Venda no Brasil

1. O Que É Coinbase?

A Coinbase é uma espécie de canivete suíço.

Em primeiro lugar é uma wallet, ou carteira digital, que dá acesso a um crescente número de criptomoedas. Ao todo, já estão disponíveis 18 diferentes, contando com as mais populares, como Bitcoin, Ethereum e Litecoin.

O problema em relação ao Brasil é que atualmente ela não permite que usuários em território brasileiro possam comprar criptomoedas. No entanto, você pode comprar e vender criptomoedas nessas plataformas.

O que você pode fazer estando no Brasil é negociar o que já tem. Ou seja: para os brasileiros ela funciona basicamente como uma wallet.

“A nossa missão é criar um sistema financeiro aberto para todo o mundo. Um sistema financeiro aberto é aquele que não é controlado por um país ou empresa (tal como aconteceu com a distribuição de informação através da internet).”

Coinbase

Fundada em 2012, a Coinbase teve uma forte aceleração em meados de 2017, quando ganhou mais de 10 milhões de usuários em menos de 6 meses.

Coinbase Utilizadores
Evolução do número de utilizadores da Coinbase.

Depois de ter contribuído para a democratização do acesso a moedas digitais em todo o mundo, atualmente a empresa liderada por Brian Armstrong tem como principal objetivo facilitar o acesso a pagamentos digitais usando criptomoedas – e já tem uma solução em andamento.

2. Como Funciona Coinbase?

O primeiro passo para começar a utilizar a Coinbase é a criação da sua conta.

O processo é relativamente simples – em primeiro lugar deverá fornecer alguns dados pessoais, que servirão essencialmente para que possa fazer login.

Coinbase Criar Conta

Em seguida a plataforma pedirá que confirme os dados fornecidos por meio de documentos que os comprovem.

Trata-se de um procedimento conhecido como KYC (Know Your Customer), implementado por entidades reguladoras de forma a proteger usuários da plataforma contra fraudes.

A Coinbase funciona por níveis, sendo que, para que possa começar a negociar suas criptomoedas, terá de cumprir os requisitos de Nível 1, ou seja:

  • Confirmar o número de telefone celular, que, futuramente, servirá também para fazer login de forma segura na plataforma;
  • Fornecer um documento de identificação pessoal com foto, que pode ser a Carteira Nacional de Habilitação, a Carteira de Identidade ou o Passaporte.
Coinbase Contas
Nível mais simples de conta na Coinbase.

Algumas contas podem chegar, ainda, ao nível 2. Esse nível dá maiores privilégios em suas transações no site ou no app da Coinbase.

3. Negociar Bitcoin na Coinbase

Tal como já referimos anteriormente, a Coinbase não permite que usuários brasileiros comprem criptomoedas. O que você pode fazer lá é negociar!

Digamos que você tenha comprado fora da Coinbase uma criptomoeda. Por exemplo, a Bitcoin. E você crê que essa plataforma é ideal para armazenar o que adquiriu.

No momento infelizmente é o único recurso oferecido ao Brasil. Armazenar criptomoedas e convertê-las em outras.

O Criptofy entrou em contato com o suporte ao cliente brasileiro da Coinbase e não obteve esclarecimentos sobre quando será possível efetuar compras de moedas no site.

Coinbase Criptomoedas
Cotações das principais criptomoedas na Coinbase.

De qualquer forma você pode ver a imagem acima e pensar que talvez valha a pena fazer trade do que tem em Bitcoin para, digamos, Ethereum.

Tudo que precisa fazer é ir em sua wallet na Coinbase, clicar na quantia de Bitcoin que possui e convertê-la em ETH.

Ou, se preferir, no site há no canto superior direito o botão “Negociar”. Lá encontrará a opção de conversão de suas criptomoedas.

negociar na coinbase

A partir daí, esse ou qualquer outro investimento que fizer vai ficar disponível na seção “contas”. É lá que deve acessar sempre que quiser ver o seu balanço ou receber/enviar criptomoedas.

4. Taxas Coinbase

A estrutura de taxas da Coinbase é relativamente pouco vantajosa.

A Coinbase permite desde dezembro de 2018 a conversão direta de criptomoedas.

Ou seja: permite que você troque Ethereum por Bitcoin, por exemplo, sem ter de converter primeiro uma criptomoeda para Dólar ou para Real e posteriormente comprar a seguinte, como antes dessa data.

Para converter criptomoedas é cobrado um spread de até 2%.

Nesse sentido salientamos que outras plataformas podem ser mais interessantes, como a Binance, se também quiser armazenar criptomoedas, ou a eToro, para usuários que vão apenas fazer trading.

5. Coinbase App

Toda a plataforma ainda pode ser acessada por um app para celulares, em que você pode ter informações sobre a valorização das suas criptomoedas.

Coinbase App Coinbase Wallet
App do Coinbase disponibiliza as principais funcionalidades da plataforma.

As opiniões sobre a App da Coinbase são favoráveis, com os usuários deixando críticas majoritariamente positivas nas principais lojas de aplicativos.

Coinbase Wallet

6. O Que é Coinbase Pro?

O nome quase que fala por si. A Coinbase Pro é uma versão mais completa da plataforma-mãe.

Ela é especialmente voltada para quem pretende fazer trading, uma vez que disponibiliza uma série de ferramentas adicionais, especialmente úteis em análise técnica.

Coinbase Pro
Coinbase Pro apresenta um aspeto mais semelhante ao das exchanges convencionais.

Pro? Parece que tem custos…

Mas não tem. Para poder acessar a Coinbase Pro apenas terá de ter uma conta Coinbase de nível 2 .

Isso é facilmente atingível se você fornecer alguns dados pessoais extras, tais como situação de emprego, fonte de renda e empresa onde trabalha.

Além disso, apesar de não poder comprar moedas, o Brasil está entre os países em que a Coinbase Pro está disponível. Afinal, o trading é liberado!

Essa ferramenta trará ainda mais vantagens se quiser aliar conhecimentos informáticos ao trading. Ela dá acesso a uma API que permite efetuar ações automatizadas em sua conta usando seu próprio software, como a criação de trading bots seguros.

7. Coinbase É Confiável?

A resposta direta é sim.

Ao longo dos anos a Coinbase construiu uma forte reputação no mercado e pode se orgulhar de dizer que nunca foi “hackeada”.

Nenhuma forma de guardar criptomoedas é tão segura como uma wallet offline.

Mas a Coinbase, sendo também uma carteira digital, tem uma excelente opção, que é a possibilidade de criar um cofre com medidas extras de proteção.

Coinbase Cofre

A nível de regulação, a Coinbase tem licença para transmissão de dinheiro na maioria dos estados dos EUA e está registada no FinCEN, a rede contra crimes financeiros do país.

A nível internacional, a Coinbase atua sob o nome CB Payments Limited, sendo que está autorizada pela FCA, no Reino Unido, e, no Brasil, pelo Banco Central.

8. Conclusão

A Coinbase teve o mérito de facilitar o acesso à compra de criptomoedas em vários países, embora no Brasil ainda não seja possível.

No futuro, considerando que tem como objetivo principal criar um sistema financeiro aberto, é natural que continue a procurar formas mais simples de globalizar esse mercado.

Em alguns países, por exemplo, para fins de pagamentos, já começa a oferecer o Cartão Coinbase!

Uma coisa é certa: essa plataforma está atenta às oportunidades e tem crescido em serviços desde que foi lançada em 2012.

Atualmente é já uma referência para iniciantes no mercado das criptomoedas, sendo que ferramentas como a Coinbase Pro a tornam uma solução muito válida também para os traders mais experientes.

coinbase no brasil
É uma pena que no Brasil ofereça apenas armazenamento e conversão de criptomoedas.

No geral, podemos afirmar com confiança que é uma excelente plataforma para iniciação.

Os usuários brasileiros terão de aguardar um pouco, no entanto, para poderem ter acesso ao potencial máximo dessa plataforma.

Vantagens
  • Autorizção FCA e Banco Central do Brasil
  • Simples e Intuitiva
  • Carteira Virtual Segura
  • Coinbase Pro
  • App Para Celular
Desvantagens
  • Taxas Altas
  • Não Permite Compra e Venda no Brasil
Autor
Lucas Lynch
Lucas Lynch

Lucas é um apaixonado pelos mercados financeiros desde que se lembra. Mas a crise de 2008 ajudou-o a perceber como eles podem ser implacáveis para quem não tem um portfólio diversificado. Por isso se forçou para aprender sobre novos mercado. É particularmente fã de Tecnologia e da forma como ela está mudando os investimentos.

Dúvidas Frequentes

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *